13 Junho, 2024

Tribunal europeu manda entregar espanhol para cumprir pena em Portugal

O Tribunal de Justiça da União Europeia (TJUE) deu hoje um parecer positivo à entrega por Espanha a Portugal do responsável pela burla do Fórum Filatélico, Francisco Briones, para que possa cumprir a pena a que foi condenado.

©D.R.

Francisco Briones Nieto, de nacionalidade espanhola, que cumpre em Espanha uma pena de 11 anos e 10 meses de prisão, por burla, foi também condenado em Portugal a uma pena de prisão de seis anos e seis meses pela prática do crime de burla qualificada.

Briones era responsável pelo Fórum Filatélico, tendo montado um sistema em pirâmide fraudulento em ambos os países, mas, considerou o TJUE num comunicado, “os factos visados pelas decisões espanhola e portuguesa não são idênticos”.

A Audiência Nacional espanhola questionou o tribunal europeu sobre a sua interpretação da lei ao não cumprir o mandado de detenção europeu emitido por Portugal, decidindo que a pena imposta neste país seria cumprida em Espanha, alegando serem idênticos os factos pelos quais foi condenado.

O TJUE considerou que, “embora o modo de funcionamento fosse idêntico, as atividades eram exercidas através de pessoas coletivas diferentes”.

Consideraram também que a atividade fraudulenta continuou em Portugal após a abertura do procedimento de investigação e a cessação da atividade em Espanha.

O mandado de detenção europeu foi enviado por Portugal em 2021, quando Francisco Briones Nieto já cumpria pena em Espanha.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados