15 Junho, 2024

Força Aérea Portuguesa comemora 71 anos em Bragança

© CM Bragança

A população de Bragança vai poder experimentar e observar os vários aviões da Força Aérea Portuguesa que vão “aterrar” e ficar expostos nas praças da cidade durante uma semana, divulgou hoje aquela entidade.

Bragança é a cidade escolhida este ano para assinalar o aniversário da Força Aérea, entre 24 de junho e 2 de julho, com um programa de atividades que, além de demonstrações, inclui também exposições, concertos e uma cerimónia militar, em que esperada a ministra da Defesa Nacional, a 1 de julho.

O programa dos 71 anos foi apresentado hoje em Bragança pelo chefe de Estado-maior da força Aérea, João Cartaxo Alves, que salientou a preocupação de todos os anos assinalar o aniversário, deslocando as comemorações para “lugares do país onde a Força Aérea não é tão visível”.

“Descentralizar é importante porque a maioria das unidades da Força Aérea está localizada muito próximo do litoral, em agregados de grande densidade populacional, como Monte Real, em Leiria , Montijo, Sintra, Beja é a única base no interior”, afirmou.

O chefe do Estado-Maior do ramo destacou que a escolha de Bragança é também uma “homenagem” aos “muitos militares” deste ramo naturais de Bragança.

Entre 24 de junho e 02 de julho, como disse, “vários aviões irão aterrar nas praças de Bragança, vão estar expostos” e “as pessoas podem entrar, mexer, perceber o que quem voa sente”.

Na cidade transmontana, serão também instalados vários stands onde são explicadas as missões das Força Aérea de forma interativa e haverá uma tenda dedicada às evacuações aeromédicas, com exames disponíveis para a população.

Além da cerimónia militar, está programado também um desfile aéreo e todos os aviões da Força Aérea irão fazer demonstrações de capacidades no aeródromo municipal de Bragança, alguns dos quais, nomeadamente os F16, irão participar no festival aéreo de Bragança Careto Airshow, no fim de semana de 24 e 25 de junho.

Esta semana de atividades é o ponto alto das comemorações do aniversário que decorrem durante todo o ano com iniciativas por vários concelhos da região, como concertos.

Simultaneamente, estão a decorrer em todas as escolas do distrito de Bragança dois concursos, um literário e outro de artes plásticas, que permitem aos jovens fazerem as suas criações com motivos da Força Aérea e os resultados vão expostos em Bragança

Outro evento do programa das comemorações é a apresentação feita hoje, em Bragança, do livro “Voar para Salvar 2022”, o ano em que a Força Aérea Portuguesa fez o maior número de missões, apoiando 912 pessoas.

O livro relata estas missões de apoio, desde busca e salvamento a transporte de doentes, com as histórias por detrás dos números, algumas vezes em zonas onde a Força Aérea é a “única mão que ampara”, nomeadamente no transporte de doente das ilhas.

Para o presidente da Câmara de Bragança, Hernâni Dias, receber estas comemorações é uma “grande satisfação”.

O autarca salientou que esta é a primeira vez que as comemorações do aniversário decorrem em Bragança e considerou que “esta também poderá ser uma oportunidade para novos talentos ingressarem na Força Aérea”.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados