23 Junho, 2024

Doze ministérios do governo da Noruega alvo de ataque informático

© D.R.

Doze ministérios noruegueses foram alvo de um ataque informático, disseram hoje as autoridades de Oslo, acrescentando que a origem da operação ainda não foi determinada e que foi aberta uma investigação.

“Foi detetada uma vulnerabilidade anteriormente desconhecida no ‘software’ de um dos nossos fornecedores”, afirmou Erik Hope, diretor da agência governamental norueguesa responsável pela segurança informática.

“Esta vulnerabilidade está a ser explorada por um ator desconhecido (…). É muito cedo para dizer quem é o responsável (pelo ataque) e para determinar a escala da ação”, disse o responsável em conferência de imprensa, citado pelas agências internacionais.

O funcionamento do governo da Noruega não foi afetado, nomeadamente o gabinete do primeiro-ministro e os Ministérios da Defesa, dos Negócios Estrangeiros e da Justiça, uma vez que estas estruturas dispõem de plataformas digitais próprias.

De acordo com Erik Hope, a vulnerabilidade foi corrigida, mas os funcionários dos 12 ministérios afetados ainda não conseguem ter acesso ao correio eletrónico de trabalho nos respetivos telemóveis ou tablets.

“O trabalho do governo continua normalmente”, declarou o ministro dos Assuntos Regionais, Sigbjorn Gjelsvik.

As autoridades policiais já deram início a uma investigação.

Em 2020 e em 2021, o parlamento norueguês foi alvo de ataques informáticos, um dos quais atribuído ao grupo de piratas informáticos russo Fancy Bear, alegadamente ligado aos serviços de informações da Rússia.

Na altura, a embaixada de Moscovo em Oslo considerou “inaceitáveis” as acusações “não provadas” da Noruega.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados