12 Junho, 2024

Fogo em Almodôvar mobiliza 375 operacionais e 13 meios aéreos

©Florestas

O incêndio que está a lavrar desde o início da tarde de hoje no concelho de Almodôvar (Beja) mobiliza 375 operacionais e 13 meios aéreos, segundo a página da Internet da Proteção Civil, consultada pela agência Lusa.

O incêndio, que está a lavrar na freguesia rural de Santa Clara-a-Nova e Gomes Aires – Monte dos Medronhais, em Almodôvar, estava, às 19:22, segundo a página da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil na Internet, a ser combatido por 375 operacionais, apoiados por 119 veículos e 13 meios aéreos.

Fonte do Comando Territorial de Beja da GNR disse à Lusa que um incêndio numa autocaravana que circulava na Autoestrada 2 (A2) terá provocado o fogo que está a lavrar neste concelho do Baixo Alentejo.

A mesma fonte explicou que, na sequência do incêndio numa autocaravana, “as chamas alastraram e pegaram à berma”, tendo depois progredido para a zona de mato, eucaliptos e pinheiros.

O alerta para o incêndio foi dado às 12:02 e, segundo disse à Lusa fonte do Comando Sub-Regional de Emergência e Proteção Civil do Baixo Alentejo, o fogo contava pelas 14:30 com três frentes ativas.

“Os acessos e os ventos fortes favoráveis ao incêndio são os principais problemas com que se deparam no terreno os operacionais”, acrescentou a mesma fonte, na altura.

Entretanto, em declarações à RTP3, o comandante José Ricardo Horta, do Comando Sub-regional do Baixo Alentejo, disse que uma descarga de água atingiu um bombeiro, que foi transportado para o Hospital de Beja para ser assistido.

Este incêndio obrigou ainda ao corte da A2, em ambos os sentidos, mas a circulação já foi retomada.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados