22 Julho, 2024

Funcionários de empresas no Aeroporto de Lisboa detidos por tráfico de droga

Três funcionários de empresas no Aeroporto de Lisboa sobre os quais recaem “fortes suspeitas” de tráfico de droga foram detidos em flagrante delito, anunciou hoje a Polícia Judiciária, segundo a qual foi apreendida uma elevada quantidade de cocaína.

©Facebook PJ

As detenções ocorreram no âmbito da operação “Limpeza Profunda VI” e incidem num “grupo criminoso” que, através de voos de linha aérea regular, se dedicava “à introdução de grandes quantidades de produtos estupefacientes em território nacional”, afirmou a PJ, em comunicado.

Os detidos “retiravam a droga diretamente do porão dos aviões, logo após a sua chegada, desviando-a da fiscalização das bagagens”, referiu a mesma fonte.

“Foi apreendida uma elevada quantidade de cocaína que, caso chegasse aos circuitos ilícitos de distribuição, seria suficiente para a composição de pelo menos 440.000 doses individuais; droga esta que acabara de chegar a Lisboa, num voo oriundo da América Latina”, acrescentou a PJ.

Foi igualmente apreendida uma “elevada quantidade de dinheiro em notas”, quatro automóveis de alta cilindrada, telemóveis e diversa documentação “com relevância para a prova dos factos em investigação”.

Os detidos, de 42, 47 e 50 anos de idade, foram presentes a primeiro interrogatório judicial, tendo sido aplicada a todos a medida de coação de prisão preventiva.

A operação contou com o apoio da Polícia de Segurança Pública. De acordo com a PJ, a investigação prossegue.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados