22 Fevereiro, 2024

Detidos no Porto e em Braga 12 suspeitos de furtar mais de 100 veículos

Dez homens e duas mulheres foram detidos no domingo, nos distritos do Porto e Braga, suspeitos de furtar mais de 100 veículos, com valor estimado de três milhões de euros, divulgou esta terça-feira a GNR.

©D.R.

Em comunicado, as autoridades referem que há cerca de um ano que decorria uma investigação por furto e desmantelamento de viaturas e que, no decorrer das diligências policiais e da investigação criminal foi possível recuperar 27 das viaturas furtadas que foram restituídas aos seus proprietários.

Segundo a nota de imprensa, a ação culminou com o cumprimento de 12 mandados de detenção, 54 mandados de busca, 10 arrestos preventivos de contas bancárias, resultando ainda na apreensão de 37 veículos, duas armas de fogo e duas brancas, 11 munições, uma besta, uma arma de ar comprimido, 40 doses de cocaína e 21 de haxixe, vários motores e peças automóvel, várias chapas de matrículas e chaves de veículos de diferentes marcas, 20.619,350 euros, 24 telemóveis, um ‘tablet’, quatro computadores, um localizador GPS e diverso material e ferramentas relacionadas com o furto e desmantelamento de veículos.

Os 12 detidos têm idades compreendidas entre os 22 e os 43 anos e são suspeitos de associação criminosa, furto qualificado, furto de veículo, burla, falsificação de documentos, falsificação de notação técnica, recetação e tráfico de estupefacientes.

Durante a operação foram ainda detidos mais dois homens, com idades compreendidas entre os 33 e os 58 anos, um por posse de arma proibida e tráfico de estupefacientes e outro por posse de arma proibida.

Os detidos, sete dos quais com antecedentes criminais por ilícitos da mesma natureza, sendo que um deles se encontrava de pena suspensa, estão a ser ouvidos no Tribunal de Instrução Criminal de Penafiel para aplicação das medidas de coação.

A ação policial contou com o reforço de militares do Comando Territorial de Braga, Aveiro, Leiria, Viana do Castelo, Vila Real, Bragança e Viseu e com o apoio de militares da estrutura do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente (SEPNA) e do Destacamento de Intervenção do Comando Territorial do Porto, todos da GNR.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados