20 Abril, 2024

Turquia “apoia firmemente” líderes do Hamas

A Turquia “apoia firmemente” os líderes do grupo islamita palestiniano Hamas, em guerra com Israel, afirmou hoje o Presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, durante um discurso em Istambul.

© Facebook de Recep Tayyip Erdogan

 

“Ninguém nos pode levar a descrever o Hamas como uma organização terrorista. A Turquia é o país que fala abertamente sobre tudo com os líderes do Hamas e que os apoia firmemente”, declarou, citado pela agência francesa AFP.

Israel, Estados Unidos e União Europeia consideram o Hamas como uma organização terrorista.

Fervoroso apoiante da causa palestiniana, Erdogan tem sido um dos mais virulentos críticos de Israel desde o início da guerra na Faixa de Gaza, há cinco meses.

A ofensiva de Israel foi lançada como represália pelo sangrento ataque em solo israelita do movimento islamita palestiniano, em 07 de outubro, que causou a morte de cerca de 1.200 pessoas, segundo as autoridades.

Desde então, a ofensiva israelita já provocou mais de 30.900 mortos, segundo o Hamas, que controla a Faixa de Gaza desde 2007, quando expulsou do enclave a Fatah, que governa a Cisjordânia.

O Presidente turco, cujo país integra a NATO, descreveu várias vezes Israel como um “Estado terrorista” e acusou-o de “cometer genocídio” em Gaza.

Erdogan, que iniciou uma nova era nas relações com Israel em 2022, depois de uma década de divergências, comparou também o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, a Adolf Hitler, a Benito Mussolini e a Josef Estaline.

“Netanyahu e a sua administração juntaram os seus nomes aos de Hitler, Mussolini e Estaline como nazis de hoje, com os crimes contra a humanidade que cometeram em Gaza”, afirmou, citado pela agência turca Anadolu.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados