16 Junho, 2024

“32 vítimas pediram compensação financeira”, revela Grupo VITA

O Grupo VITA revelou hoje que já existem 32 pedidos de indemnização apresentados por vítimas de abusos sexuais sofridos ao longo das últimas décadas no contexto da Igreja Católica portuguesa.

© Site Grupo Vita

“Trinta e duas vítimas pediram, até ao momento, uma compensação financeira — pedidos que, tal como já adiantado pela Conferência Episcopal Portuguesa [CEP], poderão ser formalizados entre junho e dezembro de 2024, de acordo com critérios a anunciar brevemente”, lê-se na nota enviada à comunicação social pela estrutura coordenada pela psicóloga Rute Agulhas, quando há cerca de três meses (17 de fevereiro) existiam apenas 12 pedidos.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados