24 Julho, 2024

Gastar mais de 4300 euros numa garrafa de vinho para o Papa é obsceno, diz Ventura

© CHEGA

O Presidente do CHEGA criticou, na manhã desta sexta-feira, na partida do Porto Santo para Lisboa, a oferta de uma garrafa de Vinho da Madeira, no valor de 3 500 euros + IVA, a Sua Santidade o Papa Francisco.

“Tenho a certeza que é o próprio Papa o primeiro a sentir-se desconfortável com este tipo de ofertas sem nenhum sentido, sobretudo em cima da questão dos ajustes diretos e da construção do altar palco da JMJ”, referiu André Ventura.

“O Papa quis fazer uma viagem de peregrinação a Portugal e os socialistas querem tornar isto absolutamente no contrário: um despesismo absurdo e uma imoralidade crónica”, acrescentou o líder do terceiro maior partido político em Portugal.

Folha Nacional

Folha Nacional

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados