27 Maio, 2024

PJ detém suspeito de matar criança de 7 anos em Setúbal

A Polícia Judiciária (PJ) deteve o homem suspeito de matar um menino de 7 anos com uma arma de fogo em 18 de fevereiro, na Bela Vista, em Setúbal, num “contexto de conflitos familiares”, foi hoje anunciado.

©facebook.com/pjudiciaria

 

Segundo um comunicado divulgado pela PJ, “o suspeito, munido de uma espingarda caçadeira, acabou por disparar na direção de uma viatura onde estavam três dos seus familiares, provocando ferimentos em todos eles”.

“No caso da criança, seu sobrinho, os projéteis atingiram-na na zona da cabeça, provocando-lhe a morte”, acrescenta o comunicado.

A PJ salienta ainda que o suspeito se ausentou de imediato para parte incerta e que só algumas semanas depois se disponibilizou para comparecer perante as autoridades.

De acordo com as informações dadas inicialmente à Polícia Judiciária de Setúbal, o disparo que vitimou a criança teria sido efetuado de forma deliberada a partir de uma viatura em movimento, mas esta versão dos acontecimentos foi rapidamente descartada pela investigação.

A criança foi atingida na cabeça durante a tarde daquele domingo, tendo sido transportada em estado crítico para o Hospital de São Bernardo, em Setúbal, e depois transferida para o Hospital de Santa Maria, em Lisboa, onde acabou por ser declarado o óbito, em 19 de fevereiro.

O detido, de 30 anos e com antecedentes criminais, deverá ser presente a primeiro interrogatório judicial ainda hoje ou na quarta-feira.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados