15 Julho, 2024

Coleção de André Villas-Boas mostra “paixão sobre rodas” no Museu do Caramulo

Automóveis, motos e artigos de automobilia que retratam as vivências e a ligação emocional de André Villas-Boas ao universo motorizado vão estar em exposição a partir de quinta-feira, no Museu do Caramulo.

© Site Museu do Caramulo

Com curadoria pessoal do agora presidente do FC Porto, a exposição “Uma paixão sobre rodas: Coleção André Villas-Boas” foi construída ao longo de anos e reflete os seus vários gostos motorizados.

O Museu do Caramulo avança que estes gostos “vão desde os clássicos desportivos, como o Lamborghini Miura S, o Porsche 911 RS ou o Ferrari F40, ao universo das duas rodas, com exemplares tão exóticos como a Confederate Fighter ou a Auto Fabrica Type 16”.

“E claro, a competição, pela qual André Villas-Boas tem uma atração desde criança, cumprindo agora o sonho de poder colecionar não só os modelos dos grandes protagonistas do passado, como as motos KTM de Cyril Despres e Marc Coma e a sua própria Toyota Hilux, mas também daqueles ainda no ativo, como o Peugeot 3008 DKR Maxi de Stéphane Peterhansel e a KTM RC16 de Miguel Oliveira”.

Mas, segundo aquele museu do concelho de Tondela, no distrito de Viseu, “a coleção vai ainda mais além, com a demonstração de uma paixão genuína que surpreende pela variedade de exemplares que passam ainda pelo exótico BAC Mono, pelo vibrante Citroën C3 WRC e pelo possante Ferrari 599 GTB Fiorano, mas igualmente pelo clássico MG Le Mans EX 182 e pelo popular FIAT 500 L”.

A exposição inclui ainda “um conjunto de artefactos pessoais preservados desde a infância e que conectam a paixão de Villas-Boas a todas as suas vivências, das miniaturas aos bilhetes das provas, passando pelos capacetes das lendas com quem se cruzou”.

“Todas as paixões têm o seu momento de ignição. No caso de André Villas-Boas tudo começou com as idas ao Estoril e à Exponor, num baú de memórias levadas pela mão do seu pai, Filipe, e do seu tio, Pedro Villas-Boas”.

O Museu do Caramulo considera que André Villas-Boas criou “uma extraordinária coleção de automóveis e motos, mas, mais do que isso, uma coleção de memórias em constante ebulição que, generosamente, exibe agora – e pela primeira vez – ao vivo no Caramulo, um lugar indissociável da sua paixão motorizada”.

“Uma paixão sobre rodas – Coleção André Villas-Boas” ficará patente no Museu do Caramulo até 20 de outubro.

O Museu do Caramulo, que foi fundado em 1953 e já teve mais de um milhão e meio de visitantes, integra uma coleção de arte, uma coleção de automóveis, motos e bicicletas e uma coleção de brinquedos antigos.

Mais recentemente, estendeu a sua atividade ao Caramulo Experience Center, um polo museológico dedicado à paixão motorizada.

O museu promove regularmente exposições temáticas e temporárias e vários eventos, de que são exemplo o Salão Motorclássico, o Caramulo Motorfestival, o Museu na Rua, o Rider – Passeio de Automóveis e Motos Clássicas e a Corrida dos Fundadores by Cartrack.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados