23 Junho, 2024

Mais de 30 concelhos de seis distritos em perigo máximo de incêndio

© D.R.

Mais de 30 concelhos dos distritos de Bragança, Castelo Branco, Portalegre, Santarém, Beja e Faro apresentam hoje perigo máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

O IPMA colocou também mais de 100 concelhos dos distritos de Faro, Beja, Évora, Setúbal, Santarém, Lisboa, Leiria, Portalegre, Castelo Branco, Coimbra, Viseu, Porto, Braga, Vila Real e Bragança em risco muito elevado.

Em perigo elevado estão igualmente mais de uma centena de municípios nos distritos de Viana do Castelo, Braga, Vila Real, Porto, Aveiro, Viseu, Guarda, Coimbra, Leiria, Santarém, Lisboa, Setúbal, Évora e Portalegre.

Devido ao tempo quente, o perigo de incêndio vai manter-se elevado pelo menos até domingo.

Este risco, determinado pelo IPMA, tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo, e os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

O IPMA prevê para hoje uma descida da temperatura, em especial a máxima, e vento forte no litoral oeste e nas terras altas, com rajadas até 75/80 quilómetros por hora (km/h).

O céu vai estar pouco nublado ou limpo, com períodos de maior nebulosidade no extremo norte, e haverá neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais do Norte e Centro

As temperaturas máximas vão variar entre os 23º em Aveiro e os 38º em Faro, enquanto as mínimas entre os 15º em Bragança, Braga e Guarda e os 22º em Faro.

Por causa do tempo quente e do vento o IPMA colocou sob aviso amarelo – o segundo mais fraco de quatro – os distritos de Faro, Lisboa, Leiria e Santarém.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados