21 Junho, 2024

Banco de Portugal aplicou coimas de 1,7 milhões no 2.º trimestre

© D.R

O Banco de Portugal aplicou 1,7 milhões de euros em coimas no segundo trimestre deste ano, período em que instaurou 179 processos de contraordenação e concluiu 75 processos, divulgou hoje o regulador e supervisor bancário.

Entre abril e junho, o BdP instaurou 179 processos de contraordenação e concluiu 75 processos.

Dos processos concluídos, 27 são respeitantes a infrações de natureza comportamental, 21 a infrações de natureza prudencial, 15 a infrações a deveres relativos à prevenção do branqueamento de capitais e do financiamento do terrorismo, seis respeitantes a infrações às regras em matéria de recirculação de numerário, cinco de infrações relacionadas com atividade financeira ilícita e um relativo ao incumprimento de regras de combate à criminalidade organizada e económico-financeira.

O regulador e supervisor bancário aplicou coimas no valor de 1,747 milhões de euros, dos quais 20.000 euros suspensos na sua execução.

No primeiro trimestre, o Banco de Portugal tinha aplicado multas de quase 2,7 milhões de euros.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados