27 Maio, 2024

Prisão preventiva para suspeito de coação sexual em Ovar

©D.R.

O homem de 44 anos que foi detido por suspeita de agressão sexual a uma jovem em Ovar, no distrito de Aveiro, vai aguardar o desenrolar do processo em prisão preventiva, informou hoje fonte policial.

detido foi presente esta terça-feira a primeiro interrogatório judicial no Tribunal de Aveiro, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação mais gravosa.

Segundo um comunicado da Polícia Judiciária (PJ), os factos ocorreram na madrugada de segunda-feira, na via pública, junto à residência onde a vítima, de 24 anos, pernoitava.

De acordo com a investigação, o suspeito surgiu inesperadamente junto da vítima e, “aproveitando a calada da noite e a circunstância da rua estar deserta, atacou-a, praticando atos de natureza sexual, não obstante a pronta defesa e pedidos de auxílio formulados”.

O agressor acabou por ser surpreendido pelos ocupantes de um veículo motorizado que passaram no local onde decorriam tais atos e que conseguiram proceder à sua imobilização até à chegada da GNR, que foi chamada ao local.

Ainda segundo a PJ, o suspeito tinha sido colocado em liberdade condicional há cerca de um mês, após ter cumprido pena por factos de igual natureza e por roubo.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados