21 Julho, 2024

NATO condena “veemente” ataque do Hamas contra cidades em Israel

A NATO condenou "veementemente" os "ataques terroristas" desta manhã do Hamas contra cidades israelitas e salientou que Israel “tem o direito de se defender”, noticiou a AFP.

Facebook

 

“Condenamos veementemente os ataques terroristas de hoje do Hamas contra Israel, parceiro da NATO. Os nossos pensamentos estão com as vítimas e com todas as pessoas afetadas. O terrorismo é uma ameaça fundamental para as sociedades livres e Israel tem o direito de se defender”, afirmou o porta-voz da Nato, Dylan White, na rede social X (antigo Twitter), citado pela agência de notícias francesa.

O grupo islâmico Hamas lançou hoje um ataque surpresa contra o território israelita, sob o nome de operação “Tempestade al-Aqsa”, com o lançamento de milhares de foguetes e a incursão de milicianos armados por terra, mar e ar.

Segundo os serviços de socorro israelitas, pelo menos 40 pessoas morreram hoje e centenas ficaram feridas.

Em resposta ao ataque surpresa, Israel bombardeou a partir do ar várias instalações do Hamas na Faixa de Gaza, numa operação que batizou como “Espadas de Ferro”.

O primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, declarou que Israel está “em guerra” com o Hamas.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados