26 Maio, 2024

Missão da UE no Mar Vermelho escoltou 68 navios e repeliu 11 ataques huthi

A missão da União Europeia (UE) para acompanhar embarcações no Mar Vermelho escoltou, em dois meses, 68 navios e repeliu 11 tentativas de ataque de milicianos huthi, anunciou hoje o Alto Representante para os Negócios Estrangeiros.

© Facebook Marinha Portuguesa

Em conferência de imprensa, em Bruxelas, Josep Borrell revelou que, desde o início, a missão “Aspides” (“escudo” em grego) “conseguiu escoltar 68 embarcações e repeliu 11 tentativas de ataque” de elementos das milícias iemenitas houthi.

A Alto Representante para a Política de Segurança do bloco comunitário acrescentou que 19 dos 27 países da UE contribuíram com militares e pessoal especializado para construir a missão.

O aumento das tensões no Médio Oriente, desencadeado pela guerra de Israel contra o Hamas na Faixa de Gaza levou os huthis a atacarem embarcações de transporte de carga no Mar Vermelho, como maneira de exercer pressão para o fim da intervenção militar israelita.

Israel retaliou contra o Hamas depois dos ataques do grupo islamita Hamas no dia 07 de outubro de 2023, em que cerca de 1.200 pessoas foram mortas e mais de duas centenas sequestriadas.

Na conferência de imprensa de hoje, Josep Borrell insistiu que a UE não está em conflito com os huthi, apenas está a escoltar embarcações, para que haja, tanto quanto possível, menos disrupções ao comércio mundial.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados