18 Julho, 2024

Polícia Judiciária detém no aeroporto de Lisboa jovem alvo de mandado europeu

Um jovem de 22 anos procurado em Espanha pela prática de crimes de associação criminosa foi detido no aeroporto de Lisboa pela Polícia Judiciária, dando cumprimento a um mandado de detenção europeu, anunciou hoje a PJ.

© Facebook da PJ

 

O jovem estrangeiro era procurado “pela prática dos crimes de associação criminosa, tirada de presos e ofensas à integridade física qualificadas”, refere a PJ, adiantando que a detenção foi realizada por agentes da Unidade de Informação Criminal em colaboração com elementos destacados no aeroporto de Lisboa.

“Em 2023, o detido, de 22 anos, juntamente com outro homem, na conjugação de um plano previamente definido, tentou libertar um ‘amigo’ que estava preso preventivamente. Aproveitaram o momento em que o detido saía de uma clínica e, com o recurso a armas de fogo e cara tapada com capuzes, agrediram dois polícias, tentando libertar o preso”, relata a PJ.

A Polícia Judiciária adianta que, “apesar das agressões e do uso de armas de fogo”, os dois homens não conseguiram o propósito, fugindo do local numa viatura de apoio.

Presente ao Tribunal da Relação de Lisboa foi determinado que o jovem ficasse a aguardar em prisão preventiva o processo de entrega às autoridades espanholas, que emitiram o mandado de detenção europeu.

A PJ adianta que, por estes factos, o detido pode incorrer numa pena de 13 anos de prisão.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados