15 Abril, 2024

TAP: Ex-adjunto de Galamba expressa “total disponibilidade” para ir à comissão de ínquérito

© Facebook /Tap

O ex-adjunto do ministro das Infraestruturas escreveu hoje ao presidente da comissão parlamentar de inquérito (CPI) à gestão da TAP para expressar “total disponibilidade” para ser ouvido pelos deputados, revelou Frederico Pinheiro à Lusa.

“Endereço-me a Vossa Excelência na sequência dos requerimentos apresentados com vista à minha audição, a fim de comunicar a minha total disponibilidade para prestar quaisquer esclarecimentos que os Exmos. Deputados membros da CPI possam julgar necessários”, lê-se no ‘email’ enviado ao presidente da comissão, Jorge Seguro Sanches, a que a Lusa teve acesso.

A audição de Frederico Pinheiro no âmbito da comissão de inquérito à tutela política da gestão da TAP já tinha sido requerida por PSD e Chega na sexta-feira. Os requerimentos para a audição do adjunto exonerado do ministro João Galamba não foram ainda aprovados.

De acordo com o regime jurídico dos inquéritos parlamentares, caso os pedidos para a audição sejam aprovados, “a falta de comparência, a recusa de depoimento ou o não cumprimento de ordens legítimas de uma comissão parlamentar de inquérito no exercício das suas funções constituem crime de desobediência qualificada”.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados