22 Abril, 2024

“Nego categoricamente que tenha ameaçado Frederico Pinheiro”

© Folha Nacional

“Nego categoricamente que tenha ameaçado Frederico Pinheiro, mas afirmo que fui ameaçado por Frederico Pinheiro – e não foi pouco, senhor deputado – e pode ter a certeza que se havia alguém mesmo muito exaltado naquele telefonema não era seguramente eu”, afirmou João Galamba, na comissão de inquérito à TAP, em resposta ao deputado do PSD Paulo Rios de Oliveira.

Em causa estão as afirmações de Frederico Pinheiro, na audição de quarta-feira na comissão de inquérito, onde confirmou que o ministro o ameaçou “com dois socos” durante o telefonema em que foi exonerado, em 26 de abril, após o regresso de Galamba de uma visita oficial a Singapura.

“A pessoa verdadeiramente exaltada era Frederico Pinheiro que, aliás, a seguir foi fazer o que sabemos que fez, onde de facto agrediu pessoas. O exaltado naquele telefonema não fui seguramente eu”, disse Galamba, admitindo ser uma “pessoa colérica”, mas que, naquele momento, “estava aliviado por resolver” o problema.

“Estava muito, muito tranquilo”, acrescentou, sublinhando ter testemunhas disso.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados