12 Junho, 2024

Primeiro-ministro da Hungria e Polónia manifestam apoio ao líder do VOX

© Facebook/SantiagoAbascalConde

O primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orbán, e o homólogo polaco, Mateusz Morawiecki, manifestaram hoje o seu apoio ao candidato do VOX às eleições legislativas antecipadas espanholas, Santiago Abascal, através de um vídeo divulgado pelo partido de direita radical.

Num vídeo com menos de minuto e meio divulgado pelo VOX, Viktor Orbán sublinhou a importância de “decidir o rumo de Espanha”.

“Neste domingo cabe a você decidir o rumo que a Espanha seguirá. Ergam bem alto as bandeiras, lutem pela vitória e mostrem que o futuro é dos patriotas”, exclamou o ultranacionalista antes de se despedir com um “viva Santiago, viva VOX e viva Espanha”.

Por seu lado, o primeiro-ministro polaco alertou os eleitores para os “possíveis riscos e perigos do presente e do futuro da Europa”, ao longo do seu vídeo com menos de dois minutos.

“Que os espanhóis elejam aqueles partidos que respeitam o passado, respeitam a tradição e cuidam sabiamente do presente como o VOX”, concluiu.

As últimas sondagens das eleições legislativas antecipadas espanholas confirmam esta segunda-feira, com uma única exceção em dezenas de estudos, a vitória do Partido Popular (PP) e colocam à beira da maioria absoluta o conjunto da direita e da direita radical.

A lei espanhola proíbe a publicação de sondagens nos cinco dias anteriores às eleições, pelo que as que foram conhecidas na segunda-feira serão as últimas antes das legislativas de 23 de julho, no próximo domingo.

Só uma sondagem dá a vitória ao Partido Socialista (PSOE), do atual primeiro-ministro, Pedro Sánchez: é a do organismo público Centro de Investigações Sociológicas (CIS).

O CIS anteviu que o PSOE será no domingo o mais votado com 32,6% dos votos, seguido do PP  com 30,8%, da plataforma de extrema-esquerda Somar com 14,9% e do VOX com 11,8%.

Ao contrário do CIS, todas as outras sondagens conhecidas na segunda-feira dão a vitória ao PP, mas sem maioria absoluta, tal como aconteceu ao longo de toda a pré-campanha e campanha.

A sondagem publicada hoje pelo jornal El Pais, da empresa 40dB, dá 32,9% dos votos ao PP e 13,5% ao VOX, com os dois partidos a puderem eleger juntos entre 173 e 179 deputados, sendo que a maioria absoluta se alcança com 176.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados