14 Julho, 2024

Empresa da rede social de Trump cotada em Wall Street a partir de hoje

A empresa de controlo da rede social de Donald Trump, a Truth Social, vai começar hoje a ser cotada na praça nova-iorquina.

©facebook.com/DonaldTrump

Em documento da reguladora bolsista (SEC, na sigla em Inglês), a empresa indicou que a cotação vai passar a ser feita no índice Nasdaq e através da Trump Media & Technology Group (TMTG).

Esta empresa resultou a fusão da Truth Social e da Digital World Acquisition Corp (DWAC, uma das designadas sociedades instrumentais que visam facilitar operações bolsistas), realizada na passada sexta-feira.

Espera-se que a Truth Social, que é uma imitação da rede social X em que Trup publica diariamente, comece a cotar com uma valorização de 5,5 mil milhões de dólares.

Se assim for, a participação de Trump, que é de cerca de 60%, fica valorizada em cerca de três mil milhões de dólares.

Em todo o caso, Trump fica impedido de alienar ações durante pelo menos seis meses – o que o impede usar o dinheiro da sua eventual venda para acorrer aos seus numerosos casos judiciais.

A entrada em bolsa da Truth Social ocorre em semana turbulenta para Trump. Hoje mesmo, um tribunal de recurso nova-iorquino autorizou-o a pagar uma fiança menor do que a estabelecida no início de um caso por fraude civil.

Agora, Trump tem de pagar 175 milhões de dólares, em 10 dias, em vez dos 464 milhões iniciais, enquanto decorre a apreciação de outro recurso, relativo a uma sentença que o obriga a pagar 454 milhões de dólares.

Também hoje se soube que o julgamento, em Nova Iorque, por 34 delitos relacionados com os pagamentos irregulares à atriz de filmes pornográficos Stormy Daniels em 2016, vai começar em 15 de abril.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados