3 Outubro, 2023

TAP: Comissão de inquérito quer fazer 60 audições que começam na próxima semana

©TAP

A comissão de inquérito à TAP vai ouvir 60 personalidades e as audições começam na próxima semana, estando entre as seis primeiras a IGF, a ex-administradora Alexandra Reis, a presidente executiva e o presidente do Conselho de Administração.

De acordo com o presidente da comissão parlamentar de inquérito à tutela política da gestão da TAP, o socialista Jorge Seguro Sanches, as seis primeiras audições vão nas próximas três semanas, estando ainda por definir a ordem de acordo com os contactos com as personalidades que vão ser ouvidas.

Para além do inspetor-geral das Finanças, António Ferreira dos Santos, da ex-governante Alexandra Reis, da presidente executiva, Christine Ourmières-Widener, do presidente do Conselho de Administração, Manuel Beja, juntam-se a este primeiro grupo, que começa a ser ouvido a partir da próxima semana, o administrador financeiro, Gonçalo Pires, e o presidente da CMVM, Luís Laginha de Sousa.

Os 60 pedidos de audição dos diferentes partidos com assento na comissão foram aceites durante a reunião, mas depois os deputados que compõem a mesa e coordenadores ficaram a decidir à porta fechada quais seriam os primeiros seis nomes a ser ouvidos.

Entre os pedidos dos partidos, há vários nomes que se repetem em todos os requerimentos, entre eles a presidente executiva da TAP, o presidente do Conselho de Administração, Manuel Beja, a antiga administradora e ex-governante Alexandra Reis, o ex-ministro Pedro Nuno Santos e atual responsável pelas Finanças, Fernando Medina.

O partido que apresentou mais pedidos foi o PSD, com 43 personalidades, enquanto as listas mais reduzidas foram as do PS e do CHEGA.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados