24 Abril, 2024

Câmara Municipal de Bordeaux atacada com fogo durante protestos em França

©D.R.

A entrada do edifício da Câmara Municipal de Bordeaux foi hoje alvo de um ataque incendiário durante os protestos contra a revisão da idade de reforma em França, mas as instalações ficaram preservadas, garantiu o autarca.

“Esta quinta-feira à noite, a porta de acesso à Câmara Municipal de Bordéus foi incendiada”, lê-se no Twitter do presidente da autarquia, Pierre Hurmic.

“Condeno com a maior veemência esta violência que não tem outro significado senão o de atacar a casa comum do povo de Bordéus”, acrescentou o autarca que, pouco depois, revelou que “a intervenção dos serviços de incêndio e salvamento e dos agentes municipais permitiu conter o incêndio, preservando assim a integridade das instalações”.

O edifício da câmara municipal irá reabrir normalmente na sexta-feira “às horas habituais para garantir a continuidade do serviço público à população”, disse o autarca.

Este foi apenas um dos episódios que marcaram mais um dia em França, que tem sido assolado por protestos diários devido à reforma das pensões, que prevê em particular o alargamento da idade da reforma de 62 para 64 anos.

Os números da participação nas manifestações que se registaram hoje em todo o país variam consoante as fontes: O sindicato CGT fala na mobilização de 3,5 milhões de pessoas em 300 cidades, enquanto o Governo diz que foram pouco mais de um milhão, segundo dados da Agence France Press (AFP).

As manifestações, greves e desistências “são uma resposta” à “teimosia incompreensível” do presidente, sublinharam os sindicatos, dizendo que “a responsabilidade pela situação explosiva” recai sobre o governo.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados