30 Maio, 2023

Costa garante que nunca teme receber telefonema do Presidente da República

O primeiro-ministro disse hoje que não teme receber um telefonema do Presidente da República, quando questionado sobre a decisão de rejeitar a demissão de João Galamba, acrescentando que a vida política “é muito menos ficção” do que se julga.

“A vida política é muito menos ficção do que aquilo que tradicionalmente julgam. É muito mais normal. Eu nunca temo receber nenhum telefonema do senhor Presidente da República. É sempre um gosto receber um telefonema do senhor Presidente da República”, afirmou António Costa na sua primeira intervenção no âmbito da iniciativa ‘Governo Mais Próximo’, que decorre hoje e quinta-feira em Braga.

“Estou certo [de] que ele, não estando aqui em Braga, está também com o seu coração em Braga, porque, como sabemos, foi até presidente da Assembleia Municipal de um dos municípios deste distrito, tem raízes familiares neste distrito e acompanhará com grande proximidade, seguramente, este ‘Governo Mais Próximo’ no distrito de Braga”, acrescentou, em declarações aos jornalistas.

O primeiro-ministro, acompanhado pela ministra da Habitação, visitou, na manhã de hoje, uma empresa do Grupo Casais, em Braga, ligada à indústria da construção civil, dando início a dois dias da iniciativa “Governo + Próximo”, estando previstas mais de 90 iniciativas com a presença de quase todo o Governo, que culminará, na quinta-feira, com a realização do Conselho de Ministros neste distrito.

Questionado sobre o facto de o ministro das Infraestruturas, João Galamba, não estar hoje em nenhuma das iniciativas do Governo, António Costa respondeu que na quinta-feira já estará presente.

“Amanhã já terá [agenda]. Ontem foi ontem, hoje é um novo dia. Olhe para o céu, está tão bonito. Adeus”, respondeu o primeiro-ministro, após a insistência dos jornalistas.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados