12 Abril, 2024

Lucro da Ferrari sobe 24% no 1.º trimestre para 297 milhões de euros

© D.R.

O fabricante de automóveis de luxo Ferrari alcançou um lucro de 297 milhões de euros no primeiro trimestre deste ano, mais 24% que no mesmo período do ano passado, anunciou hoje em comunicado.

“É mais um trimestre excecional para a Ferrari com um crescimento de dois dígitos nos principais indicadores”, congratulou-se o presidente executivo da empresa italiana, Benedetto Vigna.

O resultado bruto de exploração (Ebitda) foi de 537 milhões de euros, superior em 27% face ao registado há um ano, enquanto o resultado líquido de exploração (Ebit) atingiu os 385 milhões, isto é, mais 25% em termos homólogos.

As receitas líquidas, por sua vez, aumentaram 20% até março, para 1.429 milhões de euros.

Nos primeiros três meses deste ano, a Ferrari entregou 3.567 carros de luxo, o que correspondeu a um acréscimo de 10% face aos 3.251 contabilizados no primeiro trimestre do ano passado.

A empresa que tem como símbolo o “Cavallino Rampante” ou o “Cavalo Empinado” vai aumentar a sua gama de veículos com o lançamento do modelo Puro-sangue, uma gama que tinha sido retirada do mercado devido a uma “procura inicial sem precedentes”, além de ter lançado o descapotável Roma Spider.

Por outro lado, a empresa sublinhou que mantém o ritmo previsto no seu processo de eletrificação, tanto no desenvolvimento de novos carros desportivos, como nas instalações da sua lendária fábrica de Maranello, situada no norte de Itália.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados