24 Abril, 2024

Santa Maria e São José asseguram urgências metropolitanas de Gastro e Urologia

© Facebook/Hospital-de-São-José

Os hospitais de Santa Maria e São José, em Lisboa, são os que vão assegurar, a partir de segunda-feira, a urgência metropolitana nas especialidades de Gastrenterologia e Urologia, alternando a cada semana no período noturno.

Segundo anunciou hoje a Direção Executiva do Serviço Nacional de Saúde (DE-SNS), entre as 08:00 e as 20:00 a urgência na Área Metropolitana de Lisboa (AML) destas duas especialidades funciona diariamente, em presença física, tanto em Santa Maria como em São José, mas à noite (20:00/08:00) será em regime rotativo, com a Gastrenterologia em regime de prevenção e a Urologia em presença física.

Na Urologia, o polo que não estiver ativo no horário noturno mantém-se contudo de prevenção, em apoio aos doentes internados e aos que se encontrem na urgência externa do respetivo hospital, até às 20:00, sob responsabilidade desta especialidade.

Os municípios que compõem a Área Metropolitana de Lisboa são 18, agrupados em duas sub-regiões: Grande Lisboa e Península de Setúbal.

No início de março, a DE-SNS apresentou a reorganização da rede de urgências de pediatria dos hospitais de Lisboa e Vale do Tejo, mas acabou por não concretizar a reorganização das urgências metropolitanas em Gastrenterologia e Urologia, o que fez hoje.

Na pediatria, desde 01 de abril que os serviços de urgência dos hospitais S. Francisco Xavier (Lisboa), Beatriz Ângelo (Loures) e do Centro Hospitalar do Oeste encerram à noite.

Em vigor desde o inicio de fevereiro está igualmente a Rede Nacional de Serviços de Urgência de Psiquiatria da infância e adolescência, que inclui três equipas de urgência designadas por Norte, Centro e Região de Lisboa e Vale do Tejo, Região do Alentejo e Região do Algarve.

Esta reorganização na Psiquiatria da Infância pressupõe a presença física de uma equipa dedicada sete dias por semana, das 08:00 às 20:00, sendo a última admissão às 19:00.

No período noturno, as crianças e jovens são avaliadas e orientadas pelas urgências pediátricas gerais que, em função da sua natureza, referenciam os casos para atendimento urgente ou programado.

Relativamente às urgências de Psiquiatria, a direção executiva avançou também para uma reorganização destes serviços no país, mantendo a presença física noturna no Porto, Lisboa e Coimbra e aumentando as respostas diurnas em Guimarães, Viana do Castelo e Cascais.

Já em dezembro, tinha igualmente sido anunciada a partilha de recursos entre vários hospitais para garantir a normalidade dos serviços de urgência de ginecologia e obstetrícia durante os períodos de Natal e Ano Novo, um funcionamento em rede que ainda se mantém.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados