23 Abril, 2024

Kyiv aciona alerta geral com receio de um míssil hipersónico russo

© facebook/yuriy.ignat

As autoridades militares da Ucrânia ativaram hoje um alerta antiaéreo em todo o país receando a possibilidade de um ataque russo com um míssil supersónico Kinzhal, disse hoje o porta-voz da Força Aérea de Kyiv, Yurii Ignat.

“Foi acionado um alerta em toda a Ucrânia porque um avião MiG-31K russo levantou voo. São os aviões que transportam mísseis Kinzhal”, disse Ignat em conferência de imprensa, advertindo que as forças ucranianas não têm defesas antiaéreas com capacidade de proteção de todo o território nacional, para este tipo de projéteis.

“Quero recordar que não temos suficiente sistemas Patriot que possam proteger os céus da Ucrânia para este tipo de armamento”, disse Ignat.

“Trata-se de um míssil extremamente rápido e muito preciso”, acrescentou.

Durante o fim de semana, um porta-voz militar ucraniano afirmou a interceção na semana passada de um míssil Kinzhal russo sobre Kiev.

Segundo a mesma fonte, as forças ucranianas usaram o sistema antimíssil Patriot (fabrico norte-americano) que foi enviado para a Ucrânia em abril pelos aliados da NATO.

A Ucrânia não tinha, até ao momento, sistemas de defesa antiaéreos capazes de intercetar este tipo de armamento e só pode, segundo Kiev, proteger zonas limitadas por causa da quantidade de sistemas Patriot recebidos.

Os Kinzhal (o nome significa adaga em russo) são mísseis lançados de um avião de combate e têm um alcance próximo dos dois mil quilómetros e ultrapassam dez vezes a velocidade do som.

O míssil hipersónico de alta precisão, cujo fabrico foi anunciado em 2017 pelo Kremlin, pode ser munido de uma ogiva nuclear ou convencional e foi usado pela primeira vez em 2022 na Ucrânia.

Fontes do Centro de Estudos Estratégicos referem que mísseis Kinzhal foram enviados para a Síria em 2021 mas não existem provas do uso da arma pelas forças russas aliadas do regime de Damasco.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados