22 Maio, 2024

Volume de novos créditos ao consumo sobe 2,5% em maio para 677,19 milhões

© D.R.

Os novos créditos ao consumo em maio somaram 677,19 milhões de euros, uma descida de 2,5% em termos homólogos, mas um crescimento de 23,0% em relação ao mês anterior, anunciou hoje o Banco de Portugal (BdP).
De acordo com os dados provisórios hoje divulgados pelo banco central sobre a evolução dos novos créditos aos consumidores em maio, os montantes de novos créditos pessoais subiram 23,4% em cadeia, para 297 milhões de euros, o automóvel 23,9%, para 265 milhões de euros, e os dos cartões e descoberto 19,9%, para 115 milhões de euros.

Em número de novos créditos, também foram registadas subidas em cadeia.

Em maio foram contraídos 74.014 créditos na categoria cartões e descoberto (subida de 10,9%), 43.289 créditos pessoais (+19,2%) e 17.555 créditos para compra de automóvel (+21,3%).

Do número total de novos contratos de crédito em maio, 5,7% foram contratos subvencionados, contra 4,5% em termos homólogos e 5,5% em abril.

“Os contratos de crédito subvencionados são celebrados entre a instituição de crédito e o consumidor, mas parte do custo do crédito é suportada por uma entidade terceira (por exemplo, o ponto de venda onde o consumidor adquire o bem financiado)”, explica o BdP.

Em proporção do montante total, estes créditos com subvenção representaram 7,6% em maio, contra 8,4% em abril e 6,0% em maio de 2022.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados