12 Junho, 2024

Primeiro-ministro do Canadá anuncia profunda remodelação governamental

©facebook/JustinPJTrudeau

O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, anunciou hoje uma profunda remodelação governamental, enquanto prepara a sua nova equipa para as próximas eleições gerais

Trudeau afastou sete ministros e mudou dois terços das pastas governativas. Defesa, Justiça, Segurança Interna, Saúde, Património, Pesca e Aquisições estão entre as áreas com novos ministros. Apenas sete ministros mantêm as suas pastas.

Vários ministros foram afastados após terem dito que não estariam disponíveis para concorrer às próximas eleições, que devem ocorrer até outubro de 2025, segundo referiu a agência noticiosa Associated Press (AP).

As mais recentes sondagens indicam que o Partido Liberal, de Trudeau, ficará atrás dos rivais conservadores.

O legado político de Trudeau fica marcado, entre outros aspetos, pela adoção de uma legislação para uma imigração mais aberta, no momento em que os “vizinhos” Estados Unidos da América (EUA) e outros países das Américas fecharam mais as fronteiras.

O atual Governo canadiano deixa ainda a herança de ter legalizado a ‘cannabis’ em todo o país, ter introduzido um imposto sobre o carbono para combater as mudanças climáticas e ter criado um sistema de creches acessíveis.

O executivo de Justin Trudeau preservou também um acordo de livre comércio com os EUA e com o México, apesar das resistências do ex-Presidente norte-americano Donald Trump, que ameaçou cancelar o tratado.

A vice-primeira-ministra e ministra das Finanças, Chrystia Freeland, vai permanecer nos dois cargos.

Anita Anand – que liderou a resposta do Canadá à invasão russa da Ucrânia — vai deixar a pasta da Defesa para se tornar presidente do Conselho do Tesouro, sendo substituída pelo ex-chefe da Polícia de Toronto, Bill Blair.

O ministro de Assuntos Intergovernamentais, Dominic LeBlanc, vai acumular com a pasta da Segurança Interna, o ex-ministro da Imigração, Sean Fraser, vai para a pasta da Habitação e Marc Miller fica com a Imigração.

O recém-chegado ao Governo Arif Virani ficará com a Justiça, substituindo o ministro cessante David Lametti.

Mark Holland, que era o líder do governo na Câmara dos Comuns do Canadá, torna-se ministro da Saúde.

Trudeau lidera um Governo minoritário estável apoiado pelo partido da oposição Nova Democracia, parceria política que garante uma maioria parlamentar.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados