17 Abril, 2024

Proporção de pessoas em casas sobrelotadas aumentou para 13% em 2023

A proporção de pessoas que viviam em condição de sobrelotação em 2023 aumentou para 12,9%, sobretudo população em risco de pobreza, segundo os resultados do Inquérito às Condições de Vida e Rendimento, divulgado hoje pelo INE.

©D.R.

 

No ano passado, “12,9% das pessoas viviam em alojamentos em que o número de divisões habitáveis (igual ou superior a quatro metros quadrados) era insuficiente para o número e o perfil demográfico dos membros do agregado, mais 3,5 pontos percentuais do que no ano anterior (9,4%)”, observou o Instituto Nacional de Estatística (INE).

À semelhança dos anos anteriores, o risco de viver numa situação de insuficiência do espaço habitacional foi mais significativo para a população em risco de pobreza, com 27,7% desta população em situação de sobrelotação habitacional no ano passado, o que compara com 9,8% na restante população.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados