22 Julho, 2024

Situação de seca em Portugal continental diminuiu para metade em setembro

A área de Portugal continental em seca meteorológica diminuiu para metade em setembro face a agosto, de acordo com o último boletim climatológico, que mostra também uma diminuição da intensidade da seca ainda existente.

© D.R.

A região norte e parte do centro já não se encontram em situação de seca, enquanto a sul, os distritos de Setúbal, Évora, Beja e Faro têm várias zonas em seca severa.

No final de setembro, 54,9% do território estava em situação de seca, mas nenhuma área em seca extrema, ao contrário do que se verificava em agosto, com 97% de Portugal continental em seca, 27,1% da qual em situação extrema.

De acordo com o boletim, no final do mês passado, 11,3% do território estava em seca fraca, 26,9% em moderada e 17% em severa.

O índice de seca varia entre chuva extrema e seca extrema.

De acordo com o boletim, o mês de setembro foi classificado como quente e chuvoso.

A temperatura média do ar foi de 20,65 graus Celsius, mais 0,43 graus do que o valor normal, e também as temperaturas máximas e mínimas foram superiores ao normal.

O mês passado foi o 3.º setembro mais chuvoso desde 2000, com um total de 69,1 milímetros, correspondendo a 164% do valor normal.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados