23 Maio, 2024

Presidente da Águas de Portugal renuncia ao cargo e Governo aceita

O presidente do Conselho de Administração do grupo Águas de Portugal (AdP), José Furtado, apresentou a sua demissão ao Governo, que já aceitou a renúncia, manifestando a vontade de “abraçar novos desafios profissionais”.

© D.R.

“O presidente do Conselho de Administração do grupo AdP, dr. José Furtado, aquando do início de funções do Governo, solicitou uma reunião à ministra do Ambiente e Energia, Maria da Graça Carvalho, a qual se realizou a 12 de abril. Nessa reunião, o dr. José Furtado colocou o lugar à disposição”, anunciou hoje, em comunicado, o Governo.

Segundo o Ministério do Ambiente e Energia, José Furtado, que ocupava o cargo há quatro anos, demonstrou vontade de “abraçar novos desafios profissionais”.

Maria da Graça Carvalho aceitou o pedido e foi acordado que o processo de transição “seria feito dentro de um quadro de normalidade”.

Um dia depois, José Furtado enviou uma carta a formalizar o seu pedido de renuncia, refere a mesma nota.

O Ministério do Ambiente e Energia agradece a José Furtado, esperando poder continuar a contar “com o seu contributo noutras funções públicas”.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados