13 Junho, 2024

Santa Maria tem 50 doentes muito complexos que não consegue internar por falta de cama

O diretor clínico de Santa Maria reconheceu hoje que este hospital tem 50 doentes “muito complexos” que não consegue internar por falta de camas e outros 50, já com alta, para os quais não encontrou ainda resposta social.

© D.R.

“Temos vários doentes para internamento. Talvez uns 50, que são doentes muito complexos, pessoas com muita idade e que necessitam de muitos exames complementares, muitas vezes de observação por vários especialistas. São maioritariamente pulseiras amarelas e laranja”, disse Rui Tato Marinho, em declarações aos jornalistas, junto ao hospital, em Lisboa.

A dificuldade de internamento destes doentes está relacionada com o facto de o hospital, segundo o diretor clínico, ter cerca de 50 doentes que já têm alta hospitalar, mas para os quais não estão a conseguir encontrar reposta social.

“Também temos cerca de 50 casos, neste momento, de pessoas que já têm alta do ponto de vista médico, mas para os quais ainda não encontramos resposta do ponto de vista social”, acrescentou.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados