14 Julho, 2024

Mais de 400 ligações de comboio canceladas até às 14:00 devido à greve na IP

A greve dos trabalhadores da Infraestruturas de Portugal (IP) levou à supressão, entre as 00:00 e as 14:00, de 407 comboios em 692 programados, ou seja 58,8% das ligações, segundo dados hoje divulgados pela CP.

©D.R.

Trabalhadores de operação, comando, controlo, informação, gestão de circulação e conservação ferroviária cumprem hoje mais um dia de greve por melhores condições de trabalho e vencimentos, a terceira deste ano.

Segundo a informação enviada pela CP, dos 40 comboios de longo curso programados, não circularam 32 e no serviço regional não circularam 122 de 166 estimados.

Nos urbanos de Lisboa foram suprimidos 149 comboios (328 estimados), no Porto não circularam 90 (140 programados) e em Coimbra, de 18 programados foram cancelados 14.

Foram efetuados 285 comboios, estando 184 previstos nos serviços mínimos definidos.

De acordo com a CP, aos clientes que tenham bilhetes adquiridos para viajar em comboios dos serviços Alfa Pendular, Intercidades, Internacional, InterRegional e Regional será permitido “o reembolso, no valor total do bilhete adquirido, ou a sua troca gratuita para outro comboio da mesma categoria e na mesma classe”.

No último dia de greve, em 04 de janeiro, foram suprimidos 781 comboios, de 1.088 programados (71,8% suprimidos), entre as 00:00 e as 19:00, e em 02 de janeiro à supressão de 798 comboios, de um total de 1.086 estimados, tendo sido cumpridos apenas os serviços mínimos até às 19:00, adiantou a CP.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados