26 Fevereiro, 2024

À mulher de César….

No início do deste ano de 2024, o organismo europeu de combate à corrupção criticou o atraso numa implementação de uma estratégia de transparência e apelou a um maior escrutínio aos governantes.

Foram 28 as recomendações que o mecanismo europeu de combate à corrupção fez a Portugal, para tornar o nosso país mais impermeável a influências externas.
Entre as recomendações contam-se a aceleração à entrada em funcionamento de instituições de combate à corrupção e a promoção da transparência interna. Há também recomendações para melhorar o funcionamento das autoridades nacionais.
Alguns estudos apontam para que em Portugal se perca por ano, para o fenómeno da corrupção, perto de 20 milhões de euros.
Uma das principais bandeiras do Partido CHEGA, desde a sua formação, é sem dúvida de facto a luta contra este fenómeno, infelizmente cada vez mais a proliferar no nosso país, o que nos empobrece e que descredibiliza as instituições.
Prova disso, foi a recente queda do XXIII governo, liderado pelo socialista, António Costa, devido a suspeitas de corrupção, envolvendo ministros e até o chefe de gabinete do primeiro-ministro que tinha no seu gabinete, dinheiro vivo escondido em caixas de vinho e em livros.

Todos os anos, nas propostas solicitadas pelo executivo da C.M. de Gondomar no âmbito do direito de oposição, a nossa primeira proposta é sempre a criação de um gabinete municipal de prevenção à corrupção.
Como Deputado Municipal no Concelho de Gondomar, nunca me cansarei de lutar para que o poder político seja o primeiro a dar o exemplo, de integridade, seriedade e honestidade.

Foi desta forma que fomos surpreendidos, pela notícia no Porto canal no dia 16 de dezembro, em que a Câmara de Gondomar aprovou por ajuste direto , dilatar por 12 meses o contrato de recolha de resíduos urbanos com a Rede Ambiente, pelo preço máximo de 6,1 milhões de euros.
Este nunca será de facto o melhor caminho para a transparência e para a confiança.

À mulher de César não basta ser honesta, é preciso parecer honesta

Folha Nacional

Folha Nacional

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados