19 Abril, 2024

Bancos endurecem condições de crédito no 2.º trimestre

© D.R

O Banco Central Europeu (BCE) informou hoje que os bancos endureceram os padrões de todos os tipos de crédito, a empresas e famílias, no segundo trimestre, pela perceção de um risco maior e aumento das taxas de juro.

O BCE disse também que baixou a procura de crédito, tanto de empresas como de particulares.

Cerca de 14% dos bancos sondados pelo BCE disseram ter reforçado as condições de crédito a empresas no segundo trimestre (cerca de 27% endureceram as condições no primeiro trimestre).

Numa perspetiva histórica, “o endurecimento acumulado desde o início de 2022 foi substancial” e os resultados desta sondagem mostram um “enfraquecimento significativo dos empréstimos” desde o outono, disse o BCE.

O BCE fez este inquérito, que realiza quatro vezes ao ano para compreender melhor os empréstimos dos bancos, entre 19 de junho e 04 de julho junto de 158 bancos da zona euro.

Os bancos também endureceram substancialmente os padrões de crédito às famílias para a compra de casa.

Cerca de 8% dos bancos disseram que tornaram mais rigorosas as condições dos empréstimos para a compra de casa (cerca de 19% já o tinham feito no primeiro trimestre).

Segundo o inquérito, os bancos da zona do euro preveem apertar um pouco mais as condições de crédito para empresas e consumidores no terceiro trimestre e manter os padrões de crédito imobiliário.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados