22 Abril, 2024

CHEGA inicia hoje terceiras jornadas parlamentares em Évora

Folha Nacional

Os deputados do CHEGA iniciam hoje as suas terceiras jornadas parlamentares, que vão decorrer até terça-feira, em Évora, centradas nos temas da habitação e inflação.

As jornadas vão decorrer num hotel da cidade e serão dedicadas aos temas da habitação e inflação, visando traçar um diagnóstico e apresentar soluções.

De acordo como programa divulgado pelo partido, a abertura será feita pelo presidente do CHEGA, André Ventura, durante a tarde.

De seguida, está previsto um painel com o tema “habitação com confiança”, moderado pelo deputado Diogo Pacheco de Amorim, com intervenções dos deputados Rita Matias e Pedro Pessanha, do advogado António Pragal Colaço e do engenheiro Jaime da Mata.

Na terça-feira, as jornadas parlamentares abrem com outro painel, durante a manhã, sobre “crise económica e inflação: diagnóstico e soluções”, com moderação de Felicidade Vital e participação de Domingos Ferreira e dos deputados Filipe Melo e Rui Afonso.

À tarde, está prevista uma visita dos deputados do CHEGA à residência universitária Manuel Álvares, em Évora, seguindo-se o encerramento com declarações aos jornalistas de André Ventura.

Em declarações à agência Lusa, o líder parlamentar do CHEGA indicou que o partido escolheu os temas da habitação e do “aumento brutal do custo de vida que tem acontecido no último ano” para abordar nas terceiras jornadas porque “Portugal vive uma crise muito grande e efetiva” nestas áreas.

Pedro Pinto justificou a escolha do local por Évora ser capital de distrito e “uma cidade de estudantes”, destacando a visita a um alojamento estudantil, e disse que o partido quer “valorizar o Alentejo”.

“Nós nunca tínhamos feito nenhumas jornadas parlamentares no Alentejo. Évora é um distrito que tem muitas vezes sido esquecido pelos governos, Évora e todo o Alentejo tem sido muito esquecido pelos sucessivos governos e até às vezes pelos partidos políticos, e nós estamos a mostrar que Évora não pode ser esquecida, que o Alentejo não pode ser esquecido”, apontou.

Nestas terceiras jornadas parlamentares, os 12 deputados do CHEGA vão “prestar contas” do trabalho que têm desenvolvido na Assembleia da República, bem como “tratar também do futuro e preparar mais projetos”, indicou Pedro Pinto.

O líder parlamentar indicou que o objetivo é, “em contraponto” com o Governo, “arranjar alternativas, arranjar propostas, e é a isso que estas jornadas parlamentares se vão dedicar”.

As anteriores jornadas parlamentares do CHEGA aconteceram em setembro, em Setúbal, e foram dedicadas à revisão constitucional, enquanto as primeiras decorreram em julho, na Figueira da Foz (distrito de Coimbra).

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados