22 Abril, 2024

Rali de Portugal começa hoje no centro do país

© Facebook/rallydeportugal

A 56.ª edição do Rali de Portugal, quinta prova do campeonato do mundo, arranca hoje com a disputa das primeiras oito das 19 especiais de classificação previstas para os três dias de prova.

A caravana, composta com cerca de 90 equipas participantes, vai para a estrada nos troços desenhados no centro do país.

Partindo de Coimbra, os concorrentes enfrentam as duplas passagens pelas classificativas da Lousã (12,03 km), Góis (19,33 km) e Arganil (18,72 km), passando por Mortágua (18,15 km), antes da estreia da super especial da Figueira da Foz, que substitui a que habitualmente se realizava na cidade dos estudantes.

Ao todo, este primeiro de três dias de competição tem 120,59 quilómetros cronometrados.

Depois da passagem pela região centro do país, os concorrentes rumam, no sábado e no domingo, ao norte e aos troços de Vieira do Minho (26,61 km), Amarante (37,24 km) e Felgueiras (8,91 km), que também recebem duplas passagens, antes de a popular super especial de Lousada, na pista da Costilha, encerrar o segundo dia da competição.

No domingo, há ainda a estreia do troço de Paredes, que antecede a primeira passagem pela especial de Fafe (11,18 km) e a classificativa de Cabeceiras de Basto (22,23 km).

A derradeira especial, em regime de ‘Power Stage’ (com atribuição de 15 pontos extra pelos cinco mais rápidos), volta a acontecer em Fafe.

Como já é hábito, a chegada dos concorrentes acontece na cénica marginal de Matosinhos, a poucos quilómetros do centro operacional do rali, na Exponor.

O Rali de Portugal, que estará na estrada entre os dias 11 e 14 de maio, vai percorrer 329,06 quilómetros cronometrados, por entre um total de 1.636,25 quilómetros no centro e norte do país, ao longo de 19 classificativas.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados