17 Abril, 2024

Rússia envia avião de combate para afastar 2 bombardeiros dos EUA

O Ministério da Defesa russo informou hoje que enviou um avião de combate em resposta a uma aproximação ao seu espaço aéreo por dois bombardeiros estratégicos norte-americanos sobre o Mar de Barents.

© D.R.

 

Num comunicado publicado no seu ‘site’ oficial, o Ministério da Defesa da Rússia descreveu que depois de detetar “alvos aéreos” que se aproximavam da sua fronteira, o exército russo descolou um caça MiG-31, que os identificou como “um par de bombardeiros estratégicos B-1B da Força Aérea dos Estados Unidos”.

De acordo com o Ministério, os dois bombardeiros americanos “ajustaram o seu curso para se afastarem da fronteira” no momento em que fizeram contacto visual com o caça russo.

O Ministério salvaguardou que “não ocorreu nenhuma violação da fronteira estatal da Federação Russa” e que o voo do avião “foi realizado em estrita conformidade com as normas internacionais para a utilização do espaço aéreo em águas neutras e em conformidade com as medidas de segurança”.

Os Estados Unidos ainda não comentaram este incidente.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados