24 Julho, 2024

Portugal com a maior média de faltas e cartões nas 10 principais ligas da UEFA

© D.R.

A I Liga portuguesa de futebol registou na temporada 2022/23 a maior média de faltas assinaladas e de cartões exibidos por jogo entre os campeonatos que ocupam os 10 primeiros lugares no ranking da UEFA.

De acordo com os dados estatísticos que constam de cada um dos sites oficiais das ligas de Inglaterra, Espanha, Itália, Alemanha, França, Países Baixos, Portugal, Bélgica, Escócia e Áustria, nenhuma outra teve tantas faltas assinaladas por encontro quanto a prova lusa.

No total das 34 jornadas e dos 306 jogos realizados foram marcadas 8.681 infrações na I Liga portuguesa – sétima classificada na hierarquia da UEFA – ou seja uma média de 28,4 por partida.

A segunda pior marca pertenceu ao campeonato austríaco, o último posicionado no top 10 da UEFA, que registou 27,5 infrações por encontro, num total de 5.339 faltas em 194 jogos, enquanto a liga da Bélgica surge a seguir, com 25,2 faltas por partida (7.696 em 306 jogos).

Em sentido inverso, o campeonato dos Países Baixos (Eredivisie) não chegou sequer às 20 faltas em média (19,8), seguindo-se Inglaterra (Premier League), com 21,1, e Alemanha (Bundesliga), com 22,6.

Também no capítulo dos cartões, Portugal ficou na ‘cauda’ do top 10, com uma média de 5,6 cartões exibidos por jogo, entre amarelos e vermelhos. Nos 306 jogos do campeonato luso, os árbitros mostraram um total de 1.606 amarelos e 112 vermelhos.

A La Liga (Espanha), com 5,1 cartões por partida, e a Serie A (Itália), com 4,6, aparecem logo acima do campeonato luso, enquanto a Eredivisie, tal como sucedeu na vertente das faltas, foi a prova com menor média de cartões (três), seguida de muito perto pela Ligue 1 (França), com 3,3, e da Premier League, com 3,7.

De resto, Portugal teve a média mais elevada de cartões amarelos (5,2) e só não repetiu o resultado nos vermelhos porque, neste particular, a Espanha teve um registo pior, com 0,4 contra 0,36 da liga lusa.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados