22 Maio, 2024

Japão promete enviar a Kyiv sistema de deteção de ‘drones’

©Facebook.com/Japan.PMO

O Japão anunciou hoje o envio de sistemas de deteção de ‘drones’ para a Ucrânia, para ajudar o país a fortalecer a sua defesa contra as tropas invasoras russas.

O anúncio foi feito pelo primeiro-ministro japonês, Fumio Kishida, durante a cimeira da NATO que hoje terminou em Vílnius, capital da Lituânia.

Embora tenha lembrado a importância de não alterar o ‘status quo’ pelo uso da força, o chefe de Governo japonês prometeu que o seu país aumentará a cooperação com outros países para “manter e fortalecer uma ordem internacional aberta e livre”.

Fumio Kishida disse ainda que a segurança na Europa e na região do Indo-Pacífico são questões inseparáveis e expressou a sua determinação em trabalhar para “reforçar as relações entre a NATO e países parceiros”, como Austrália, Coreia do Sul e Nova Zelândia.

O líder japonês visitou a Ucrânia em março passado e anunciou uma ajuda de quase 30 milhões de euros em material não letal, através de um fundo criado pela NATO, o mesmo que Tóquio usará agora para enviar sistemas de deteção de drones.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados