18 Julho, 2024

Dezenas de ativistas detidos por suspeita de quererem perturbar aeroportos britânicos

Vinte e sete pessoas suspeitas de estarem envolvidas nos planos do grupo ambientalista Just Stop Oil para perturbar os aeroportos britânicos foram detidas esta semana no Reino Unido, revelou hoje a polícia londrina.

© site Just Stop Oil

“Sabemos que a Just Stop Oil está a planear perturbar aeroportos em todo o país este verão e é por isso que agimos de forma rápida e decisiva”, declarou o chefe da investigação da Polícia Metropolitana, Ian Howells, num comunicado.

As detenções foram efetuadas ao abrigo de uma disposição de uma lei sobre a ordem pública aprovada recentemente que permite à polícia prender suspeitos de quererem perturbar infraestruturas nacionais.

“A nossa posição é muito clara: qualquer pessoa que comprometa a segurança aeroportuária em Londres pode esperar uma resposta firme da polícia e do pessoal de segurança”, disse Howells.

De acordo com a polícia, quatro pessoas foram detidas na terça-feira depois de terem sido identificadas no aeroporto de Gatwick e foram libertadas sob medidas de coação.

Outras seis pessoas foram detidas em Londres na quinta-feira, num evento anunciado publicamente para promover a perturbação dos aeroportos, informou a polícia.

A polícia afirmou que entre os detidos se encontravam membros da Just Stop Oil suspeitos de serem os responsáveis pela organização das ações de protesto planeadas.

Hoje de manhã foram detidas 17 outras pessoas nas suas casas em todo o país.

“Isto não é democracia. Isto é um estado policial”, denunciou o Just Stop Oil, que publicou vídeos de algumas das detenções na rede social X (antigo Twitter).

O grupo, que se notabilizou por fazer protestos arrojados e controversos em grandes eventos desportivos e por atacar obras de arte famosas em museus, exige o fim da exploração dos combustíveis fósseis até 2030.

Mais recentemente, o Just Stop Oil realizou ações no local pré-histórico de Stonehenge e atacou jatos privados no aeroporto londrino de Stansted, onde esperavam encontrar o avião da artista norte-americana Taylor Swift.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Receba o Folha Nacional no seu e-mail

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados