16 Junho, 2024

Macron abandona Conselho Europeu mais cedo para reunião de emergência

O Presidente francês, Emmanuel Macron, vai abandonar o Conselho Europeu mais cedo e regressar a Paris para uma reunião de emergência por causa dos protestos que irromperam depois da morte dum jovem de 17 anos alvejado pela polícia.

Fontes diplomáticas francesas revelaram à Lusa que Macron deverá sair da reunião do Conselho pelas 13:00 locais (12:00 em Lisboa) e regressar à capital francesa.

A reunião de emergência serve para encontrar uma resposta aos protestos entre jovens e a polícia que eclodiram nos bairros em Nanterre, nos arredores do Paris, e outros na capital francesa, por causa da morte de um jovem de 17 anos alvejado por polícias na terça-feira.

Por essa razão, o Presidente francês dispensou a habitual conferência de imprensa no final da cimeira europeia.

Os conflitos começaram na noite de terça-feira em Nanterre e, na madrugada de quinta-feira, havia registo de edifícios vandalizados e automóveis incendiados.

As autoridades prenderam centenas de pessoas desde quinta-feira à noite por toda a França.

O agente da polícia suspeito da morte do jovem está acusado de homicídio e em prisão preventiva.

Agência Lusa

Agência Lusa

Folha Nacional

Ficha Técnica

Estatuto Editorial

Contactos

Newsletter

© 2023 Folha Nacional, Todos os Direitos Reservados